1. Página inicial
  2. Sensores de válvulas
  3. Válvulas de curso

Feedback de posição para válvulas de curso

Monitorar válvulas de curso com precisão
O efector valvis soluciona o trajeto de medição com 0,2 mm. Dentro de um percurso de medição, três posições de válvula podem ser ajustadas facilmente pressionando um botão (ex.: "aberto", "fechado", posição de limpeza) .

Na versão como transmissor analógico, o efector valvis gera no controlador o trajeto de medição completo através de um sinal analógico padrão.

Graças à alta resolução, o sensor detecta também por exemplo o início do desgaste da vedação da válvula. Assim ele pode ser aplicado para manutenção baseada na condição/manutenção preditiva.

AS-i integrado
O sistema de comunicação AS-i é ideal para o feedback de várias válvulas. O efector valvis também está disponível com interface AS-i integrada.

Fácil colocação em funcionamento
A fácil programação através de pressionamento de botão substitui o ajuste mecânico na posição correspondente de válvula.

Diferentes adaptadores
ifm oferece adaptadores para a conexão em diferentes válvulas de curso, para as válvulas tipo APV/SPX, Bardiani e GEA, entre outras.

Livremente programável: o efector valvis sinaliza a posição do pistão da válvula através de três saídas de comutação: válvula aberta, válvula fechada e uma posição intermediária qualquer, por exemplo para a detecção de levantamento do assento ou desgaste da vedação.

Sensor de válvula de curso efector valvis tipo IX. Feedback de posição para válvulas simples, válvulas de assento duplo e válvulas de diafragma. O efector valvis está concebido para o feedback de posição de válvula em válvulas de curso até 80 mm. O seu curso é medido continuamente em uma disposição mecânica sobre o fuso da válvula.

16 núcleos de ar monitorados por multiplexador analógico. A posição da válvula é medida continuamente e transformada em um alto sinal analógico linear. Dependendo da versão, podem ser programados três pontos de comutação ou o sinal pode ser processado em um controlador.

Monitoramento da posição final em válvulas de curso
As posições finais das válvulas de curso são normalmente monitoradas por sensores indutivos. Elas oferecem um alto grau de proteção (até IP 68 / 69K) e estão projetadas para uma faixa de temperatura ampla, de modo que elas resistem sem problemas a por exemplo, processos de limpeza de alta pressão a vapor. Baixas tolerâncias de sensores permitem uma precisa detecção de posição. A instalação pode ser feita em cima ou embaixo do atuador, aberta ou no invólucro. O sistema de barramento AS-i pode ser usado para reduzir a complexidade do cabeamento.
Vários sensores são conectados com o módulo AS-i decentralizado. Um cabo de barramento AS-i de 2 fios transmite dali os sinais para o mestre ou para o controlador.

Robusto
Comprovado sob as extremas exigências de áreas higiênicas e úmidas. Resistente a temperaturas altas constante, a choques de temperatura e a produtos de limpeza agressivos.

Qualidade alimentar
Invólucro completo de aço inoxidável ou em combinação com PEEK.

Flexível
Invólucros de formatos e comprimentos convencionais para a instalação nas mais diferentes aplicações. Maiores distâncias de comutação dão flexibilidade com tolerâncias mecânicas.

Vedado
A alta vedação conforme o grau de proteção IP 69K evita a entrada de umidade.

Conexão segura
ecolink EVF, o conector ideal para as áreas higiênicas e úmidas.