1. Página inicial
  2. Tecnologias
  3. Sensores ultrassônicos

Sensores ultrassônicos – Detecção de objetos para grandes alcances de detecção e superfícies difíceis.

Aqui as informações mais importantes em resumo:

  • Invólucro plástico M18 em dois comprimentos 60 mm e 98 mm.
  • Carcaça robusta de aço inoxidável para aplicações exigentes.
  • Disponível para grandes alcances de 300 mm até 2200 mm.
  • Alcance de até 1,2 cm na forma de construção M18 Cube e 2,2 m na
    forma de construção M18.
  • O transdutor acústico oscilante reduz a aderência de sujeiras.
  • Operação de sensores retrorreflexivos para a detecção de objetos independente da orientação.
  • Saída digital e analógica para a detecção de valor limite e de distância.
  • Ajuste muito simples mediante botão Teach, configuração do cabo ou IO-Link.

A alternativa para superfícies difíceis
Sensores ultrassônicos emitem e recebem ondas sonoras na faixa ultrassônica. O objeto a ser detectado reflete as ondas sonoras e via medição do tempo de propagação é determinada a distância. Ao contrário do que acontece com sensores ópticos, a cor, a transparência ou grau de brilho do objeto não são relevantes. Dessa forma podem ser p. ex. detectadas confiavelmente embalagens blíster na tecnologia de embalagem ou bandejas plásticas transparentes na indústria alimentícia.

Alta performance
Os sensores ultrassônicos da ifm na forma de construção M18 oferecem uma zona cega especialmente pequena e grandes alcances de detecção que só costumam ser obtidos por sensores com forma de construção bem maior. Os sensores trabalham de forma confiável mesmo com sujeira intensa, podendo ser utilizados em aplicações em que sensores fotoelétricos chegam ao seu limite.