You probably do not come from: Brazil.  If necessary, change to: United States
  1. Sensores de inclinação
  2. Sensores de inclinação estáticos

Sensores de inclinação estáticos

Versátil para aplicações estáticas

Estes tipos de sensores de inclinação são usados principalmente em aplicações estáticas a quase-estáticas.
Isso inclui numerosas aplicações estacionárias, como o apoio de elevadores sanfonados. Em tais máquinas é requerida uma elevada precisão estática, mas o sensor está sujeito a pouca vibração.
Em aplicações com maior ocorrência de acelerações externas difusas podem ser usados filtros de softwares adicionados internamente, para suavizar o sinal do sensor.

Filtros digitais nestes sensores normalmente são filtros de valores médios (moving average filter), o que tem a desvantagem dos valores parecerem ser muito mais estáveis, mas a capacidade/tempo de reação do sensor fica prejudicado.
Em casos extremos é obrigatório encontrar um equilíbrio entre a estabilidade do sinal e a rapidez de reação.

Sensores de inclinação estáticos JNcom "3 graus de liberdade”

Frequentemente a orientação horizontal das máquinas ou das peças das máquinas é uma condição importante para o funcionamento seguro. Sensores de inclinação para medição estática servem, por exemplo, para a captação de ângulo e posição em máquinas móveis estacionárias.

Aplicações típicas são a orientação de plataformas de trabalho, nivelamento de guindastes móveis ou escavadeiras. No ambiente industrial eles servem, por exemplo, para a orientação automática de painéis solares.

Funções adicionais dos sensores de inclinação estáticos [JNxxx0]

  • A célula MEMS instalada permite disponibilizar todos os dados 3D brutos da célula de medição de aceleração paralelamente (para CANopen e J1939) ou sequencialmente (para IO-Link) aos valores de inclinação 2D.
  • Valores característicos calculados dos três eixos, como a velocidade de vibração [Vrms] e a aceleração da vibração [aPeak,] podem ser lidos diretamente.
  • Níveis de filtragem predefinidos (por ex., 0,1 -10Hz) e uma seleção de eixos podem ser ajustados e selecionados de acordo com a aplicação.
  • O intervalo de captação de baixa frequência das células de medição permite, por exemplo, medir vibrações estruturais ou de torre conforme a ISO4866 ou realizar um monitoramento de máquina com base na ISO10816.
    Aplicações típicas são torres de resfriamento e eólicas ou também sistemas para monitoramento de terremotos.

Restrições dos sensores de inclinação estáticos

Nos casos de aplicações estáticas com forte incidência de impactos e vibrações é possível que a mera filtragem ou atenuação por software do sinal de medição seja insuficiente.
Além disso, muitas vezes também não é possível um equilíbrio entre estabilidade do sinal e capacidade de reação, devido ao caso de aplicação.
Também é possível que a aceleração dos veículos na arrancada e o torque de frenagem tenham grande influência sobre o resultado da medição, pois um sensor de inclinação estático não consegue diferenciar entre a verdadeira aceleração, a força de gravidade (referência) e acelerações externas causadas pelas influências citadas acima.
Este desvio depende da intensidade da respectiva aceleração e da velocidade.

Nestas aplicações são recomendados sensores de inclinação com compensação da aceleração (dinâmicos), baseados em uma tecnologia avançada a partir dos sensores de inclinação quase-estáticos vistos até aqui.